Inbound Marketing: Exemplos de Inbound Marketing Eficazes

Inbound Marketing

Como desenvolver um marketing de entrada eficaz estratégia pode ser uma tarefa difícil para empresas com um pequeno departamento de marketing. Você está ciente de que deve produzir conteúdo valioso e otimizar para pesquisa. No entanto, você e sua equipe estão sempre pressionados pelo tempo. Apesar de seus esforços, o conteúdo do seu blog não tem foco nos objetivos. Suas contas de mídia social estão desertas e seu site caiu das páginas de resultados dos mecanismos de pesquisa.
Não desanime se isso soa familiar. Este post discutirá o que constitui uma estratégia eficaz de inbound marketing e como desenvolver uma que manterá sua equipe de marketing focada no objetivos da empresa. Além disso, veremos alguns exemplos eficazes de inbound marketing. incluem 1. SEO, 2. Webinar…

O que é marketing de entrada?

O inbound marketing é uma estratégia de negócios eficaz que atrai clientes criando conteúdo e experiências valiosos adaptados às suas necessidades específicas. Enquanto o marketing de saída bombardeia seu público com conteúdo que ele nem sempre deseja, o marketing de entrada estabelece conexões e resolve problemas que eles já têm.

Marketing de saída, por outro lado, refere-se à estratégia de marketing por trás da mídia paga tradicional, como comerciais de televisão, outdoors e aqueles cartazes insanos de Vitamin Water que fazem seu trajeto matinal valer a pena. O anúncio direto de um produto ou serviço é compartilhado por todos esses tipos de anúncios.

Leia também: Inbound Marketing vs Outbound: Como escalar qualquer negócio combinando as duas estratégias

Metodologia de Inbound Marketing

A metodologia de entrada é uma estratégia eficaz para expandir seus negócios, cultivando relacionamentos significativos e de longo prazo com consumidores, clientes em potencial e clientes. Trata-se de valorizar e capacitar esses indivíduos para alcançar seus objetivos em qualquer etapa de sua jornada com você.

Porque isto é assim? Porque se seus clientes tiverem sucesso, você também terá.

A metodologia de entrada pode ser usada de três maneiras diferentes:

  • Atrai: atraindo as pessoas certas, fornecendo conteúdo valioso e participando de conversas que o estabelecem como um consultor confiável com quem elas desejam trabalhar.
  • Se empenhar: Envolva-os apresentando insights e soluções que abordam seus pontos problemáticos e objetivos, aumentando a probabilidade de comprar de você.
  • Prazer: fornecendo assistência e suporte para permitir que seus clientes tenham sucesso com suas compras.

Quando os clientes alcançam o sucesso e o compartilham com outras pessoas, isso atrai novos clientes em potencial para sua organização, resultando em um ciclo autossustentável.

Vamos dar uma olhada em mais algumas estratégias de inbound marketing.

Estratégias de Inbound Marketing

Essas estratégias ajudarão você a fazer um marketing eficaz para seu público-alvo por meio de canais de entrada. Existem estratégias específicas para cada método de entrada de atrair, engajar e encantar os consumidores listados abaixo para manter seu volante girando e ajudar sua empresa a crescer.

#1. Técnicas de atração

Criação de conteúdo e desenvolvimento são componentes essenciais das estratégias de inbound marketing que atraem seu público-alvo e personas de compradores.

Comece criando e publicando conteúdo valioso, como artigos de blog, ofertas de conteúdo e mídias sociais, para alcançar seu público-alvo. Guias sobre como usar seus produtos, informações sobre como sua solução pode resolver seus problemas, depoimentos de clientes e detalhes sobre promoções ou descontos são exemplos.

Otimize todo esse conteúdo usando um plano de SEO para atrair os membros do seu público em um nível mais profundo por meio do inbound marketing. Um plano de SEO exigiria o direcionamento de palavras-chave e frases específicas conectadas a seus produtos ou serviços, os problemas que você responde para os clientes e as maneiras de ajudar os membros do público-alvo.

Isso ajudará seu material e informações a aparecerem naturalmente nas páginas de resultados de mecanismos de pesquisa (SERPs) para pessoas que os procuram. Também é conhecido como seu público-alvo ou os clientes adequados para o seu negócio.

#2. Estratégia de engajamento

Ao empregar técnicas de inbound para envolver seu público, certifique-se de se comunicar e interagir com clientes em potencial e clientes de uma forma que os incentive a criar relacionamentos de longo prazo com você. Ao empregar essas táticas de engajamento, incluindo informações sobre o valor que sua empresa lhes trará.

Como você lida e gerencia as chamadas de vendas recebidas é um exemplo de uma estratégia de marketing de engajamento específica. Preste atenção em como os funcionários do atendimento ao cliente lidam com as chamadas de clientes em potencial e clientes interessados. Além disso, certifique-se de estar sempre oferecendo soluções em vez de produtos. Isso garante que todas as transações resultem em acordos mutuamente vantajosos para os clientes e sua empresa. Então, em outras palavras, você entrega valor aos seus clientes adequados.

#3. Estratégias para o deleite

Técnicas de entrada encantadoras mantêm os consumidores felizes, satisfeitos e apoiados mesmo depois de fazerem uma compra. Essas técnicas envolvem os membros de sua equipe servindo como consultores e especialistas para os clientes em todos os momentos.

Incorporar chatbots e pesquisas inteligentes e oportunas para ajudar, apoiar e solicitar feedback dos clientes é uma excelente abordagem para agradá-los. Bots e pesquisas devem ser entregues em estágios específicos da jornada do cliente. Isso é para garantir que eles façam sentido e sejam valiosos.

Quando se trata de satisfazer os clientes, outra estratégia crucial de inbound marketing é ouvir as mídias sociais. Os seguidores de suas páginas de mídia social podem usar um de seus perfis para expressar comentários, fazer perguntas ou compartilhar sua experiência com seus produtos ou serviços. Responda a esses encontros com informações que auxiliam, apoiam e incentivam os seguidores. Isso demonstra que você está ouvindo e se preocupando com eles.

Por fim, uma estratégia de inbound centrada em encantar os clientes auxilia e apoia os clientes em todas as situações. Isso independentemente de sua organização se beneficiar ou não disso. Lembre-se de que um cliente feliz se torna um campeão e impulsionador da marca, portanto, gerencie todos os encontros, grandes e pequenos, com cuidado.

Leia também: Estratégia de Marketing de Conteúdo: Guia Completo (+ Exemplos)

Exemplos de Inbound Marketing

Inbound marketing é uma palavra ampla que incorpora uma variedade de estratégias distintas.
Afinal, existem outras maneiras de fazer com que um potencial comprador visite seu site.

Vamos discutir esses exemplos de inbound marketing.

#1. Um blog.

De acordo com a HubSpot, o Inicialização SaaS que popularizou o termo “inbound marketing” em 2006, os profissionais de marketing que priorizam os blogs têm 13 vezes mais chances de obter um ROI positivo.

Além disso, a consistência compensa. As empresas que publicam conteúdo de blog pelo menos 16 vezes por mês ganham 3.5 vezes mais tráfego no site e 4.5 vezes mais leads do que organizações que atualizam seus blogs apenas algumas vezes por mês.

Um blog é uma excelente abordagem para fornecer conteúdo de formato longo que responda aos problemas urgentes de seus clientes em potencial (por exemplo, como devo configurar minha conta do Google Ads?).

Quanto mais instrutivo for o seu blog e quanto mais frequentemente você o atualizar com novas informações, maior a probabilidade de você se tornar a marca confiável que os clientes em potencial lembram à medida que avançam no funil de marketing.

#2. Um infográfico

As pessoas nem sempre têm tempo (ou interesse) para sentar e ler 2,000 palavras sobre palavras-chave de cauda longa, por exemplo. Às vezes, seu cliente em potencial quer apenas um trecho rápido de dados valiosos, idealmente fornecidos de maneira atraente.

Além disso, se as informações que você está divulgando são particularmente valiosas – digamos, estatísticas de referência para anúncios para celular em 18 setores – há uma forte possibilidade de gerar muito burburinho na internet.

#3. Um whitepaper

Seu público determina a definição e o propósito de um whitepaper como estratégia de inbound marketing. O setor em que você trabalha e as metas que você define para si mesmo, sem dúvida, terão um impacto no resultado final.

Para nossos propósitos, um whitepaper é um conteúdo educacional aprofundado e bem pesquisado com um tom um pouco mais formal do que uma postagem de blog típica.

Um whitepaper é seu trabalho de conclusão de curso, enquanto um post de blog é seu projeto de lição de casa semanal. Como regra geral, preveja que os clientes em potencial que baixam seu whitepaper estão procurando por maior rigor, profundidade, criatividade e valor.

Também deve parecer decente. Metade da batalha está na apresentação. Como resultado, quando os leitores baixam seu conteúdo, você pode usar o email marketing para aproximá-los da conversão.

#4. Um e-book

Não vou mentir – as vantagens de um e-book são muito comparáveis ​​às de um whitepaper. É mais uma chance de se estabelecer como uma fonte autorizada de conhecimento acionável e inteligente. Normalmente, é fornecido gratuitamente em troca de informações de contato.

Se você decidir adicionar e-books à sua abordagem de inbound marketing, o que eu encorajo muito, não subestime a tarefa. Tenha em mente que você está escrevendo um livro.

#5. Um estudo de caso (destaque do cliente)

Suponha que você seja um empresário procurando um software de gerenciamento de mídia social como o que mencionei anteriormente. Você se depara com um estudo de caso enquanto folheia o blog de uma das organizações que está considerando. Ele descreve a experiência de uma corporação que comprou o programa há um ano e tem obtido ótimos resultados desde então.

Para o cliente em destaque, este software fez uma diferença significativa.

Você naturalmente pensa consigo mesmo: “Bem, isso significa que pode funcionar para mim, certo?” ”

Essa é a força de um estudo de caso. Ele mostra aos clientes em potencial que seu produto ou serviço funcionou bem para pessoas como eles.

#6. Um webinar

Nem sempre é simples infundir personalidade em seu conteúdo escrito.

É verdade que a informalidade da postagem do blog permite que você faça piadas. No entanto, no mundo altamente polido dos whitepapers e e-books, você pode desejar adicionar algo um pouco mais... humano.

É aqui que o webinar entra em cena.

Um webinar é um seminário na Internet que oferece conteúdo em estilo de palestra para um público limitado da Web. Com essa estrutura, um membro (ou algumas pessoas) de sua equipe de conteúdo pode fornecer as informações vitais que discutimos de maneira altamente envolvente e personalizada.

A presença de uma pessoa genuína e senciente – mesmo que seja apenas sua voz – cria a impressão de que sua marca está tendo um diálogo direto com seus clientes potenciais. Enquanto seus clientes em potencial podem facilmente dispensar os indivíduos criativos que geram seus artigos de blog, whitepapers e e-books, esse não é o caso de um webinar.

#7. Um podcast

Faça quantas piadas quiser sobre millennials vaidosos. Podcasting está na moda nos dias de hoje. O formato de podcast, assim como o formato de webinar, permite que você dê personalidade ao seu negócio. Como resultado, quando seus clientes em potencial fizerem seus julgamentos finais, eles se lembrarão de você como um recurso útil e relacionável.

Podcasting não precisa ser demorado. Você está no negócio se tiver um laptop, alguns microfones e pelo menos um funcionário que não soe como Steve Buscemi.

#8. Série de vídeos

Vou pular os números de marketing de vídeo que você ouviu durante todo o ano e apenas dizer isso:

A popularidade do conteúdo de vídeo é enorme. É expansivo, divertido e, mais importante, eficaz. Quando as pessoas estão passando pelo Facebook e Instagram, é isso que elas querem ver.

Embora seja benéfico tornar seu material textual em formato longo, o vídeo funciona melhor quando é pequeno. Existem exceções para todas as regras, mas, em geral, os usuários de mídia social não se interessam por vídeos que duram mais de um minuto ou dois.

Além disso, o vídeo oferece uma excelente oportunidade para redirecionar o conteúdo em um formato mais consumível. Um cliente em potencial pode não ter tido tempo para participar do seu webinar, mas ele pode passar dois minutos navegando pelo LinkedIn para obter o básico.

#9. Otimização para mecanismos de busca (SEO)

Que melhor maneira de terminar este post do que com o exemplo de inbound marketing que torna os oito exemplos anteriores de inbound marketing ainda mais eficazes?

SEO é uma frase guarda-chuva que se refere a um conjunto de estratégias que você pode (e deve) usar para aumentar a visibilidade do seu conteúdo nas páginas de resultados dos mecanismos de busca.

Não faz diferença a aparência do seu e-book ou a clareza do seu podcast se seus clientes em potencial não conseguirem encontrá-lo nos resultados de pesquisa orgânica. Isso implica colocar seu material na primeira página, de preferência no meio ou no topo.

Caso contrário, você não está atraindo visitantes para seu site.

Conclusão

Os meios tradicionais de publicidade estão rapidamente saindo de moda e, se você deve permanecer relevante, deve adaptar as necessidades exatas do seu público e criar estratégias que os manterão colados a você usando a técnica de inbound marketing.

Perguntas frequentes sobre marketing de entrada

É marketing de entrada de mídia social?

Na metodologia de inbound marketing, as mídias sociais são parte do estágio inicial em que você está atraindo pessoas para seu site. Juntamente com SEO e seu blog, a mídia social é um meio importante de atrair novos visitantes e, esperançosamente, convertê-los em leads

Como fazer inbound marketing?

Como criar uma estratégia de inbound marketing

  1. Construindo personas de comprador. …
  2. Defina seus objetivos de estratégia de inbound marketing. …
  3. Descreva os gatilhos de marketing de seus clientes. …
  4. Crie uma lista de palavras-chave. …
  5. Alinhe o conteúdo à jornada do comprador. …
  6. Crie um processo de nutrição de leads. …
  7. Blogs focados em conversão.

O que é marketing de saída e de entrada?

O marketing de saída refere-se a qualquer tipo de marketing em que uma empresa inicia a conversa e envia sua mensagem para um público. … Além disso, a publicidade de pesquisa paga é considerada inbound marketing porque seus anúncios só aparecem quando as pessoas estão pesquisando produtos ou serviços que você oferece.

O que é uma campanha ABM?

O marketing baseado em contas (ABM) é uma estratégia de marketing de negócios que concentra recursos em um conjunto de contas-alvo dentro de um mercado. Ele usa campanhas personalizadas projetadas para engajar cada conta, baseando a mensagem de marketing nos atributos e necessidades específicas da conta

  1. Inbound Marketing vs Outbound: Como escalar qualquer negócio combinando as duas estratégias
  2. O que é Estratégia de Outbound Marketing? Exemplos e ferramentas
  3. webinar
  4. 15 melhores estratégias de retenção de clientes que aumentam os lucros (guia)
  5. Programas e ideias de fidelidade do cliente (+programas mais bem avaliados em 2022)
0 ações:
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar