Analista de Crédito: Descrição do Cargo, Qualificações e Salário (EUA)

Analista de crédito

De acordo com especialistas do setor, o ambiente econômico e os desafios do setor enfrentados pelas instituições financeiras comunitárias significam que gerenciar riscos e impulsionar o crescimento são essenciais para bancos e cooperativas de crédito. Como resultado, a gestão do risco de crédito é fundamental e os analistas de crédito são cruciais para o sucesso das funções de risco de crédito de suas instituições financeiras. Então, continue lendo para saber mais sobre a descrição do trabalho dos analistas de crédito, seu salário, qualificação e características.

O que é Análise de Crédito?

A análise de crédito é um campo especializado que gira em torno da análise de risco financeiro de uma empresa. O procedimento envolve a realização de uma pesquisa de antecedentes sobre o cliente de varejo ou comercial, a fim de avaliar os riscos que as empresas envolvidas no financiamento de empréstimos provavelmente enfrentarão. Em outras palavras, um financiador deve realizar a devida diligência no crédito do mutuário.

Componentes Adicionais de Análise de Crédito

Além da análise direta do desempenho da empresa, outros componentes críticos na análise de crédito são:

  • Criação de modelos matemáticos e estatísticos diretamente relacionados ao risco que está sendo medido.
  • Acompanhar as mudanças no ambiente econômico que são esperadas.
  • Examinar os padrões de mercado regularmente.
  • Acompanhar a legislação e as políticas governamentais.

Quem é um analista de crédito?

Um analista de crédito é responsável por uma variedade de tarefas, incluindo aconselhamento sobre riscos de crédito associados a programas de empréstimos em larga escala. UMA bancoA , por exemplo, contratará um analista de crédito para auxiliar na avaliação das diversas empresas e indivíduos a quem pode conceder empréstimos e, assim, gerar retorno sobre seus ativos em caixa.

Informações de um analista de crédito

Assim, a seguir, são apenas alguns exemplos de documentos dos quais eles obtêm informações:

  • Resultados anuais
  • Declarações contábeis
  • Demonstrações de lucros e perdas
  • Contas de gestão
  • Relatórios adicionais dados da indústria

Visão geral da descrição do trabalho do analista de crédito

Com base em listas de empregos reais de credores como HSBC, JPMorgan Chase e Wells Fargo, a seguir estão exemplos de descrição e qualificações do cargo de analista de crédito.

Descrição do trabalho para um analista de crédito - Principais responsabilidades

  • Conduza uma revisão detalhada de demonstrações financeiras e avaliação de solicitação de crédito, incluindo novas solicitações, solicitações atualizadas, refinanciamento e due diligence anual.
  • Fazer recomendações com base na análise e avaliação de risco de crédito.
  • Fornecer revisão, conclusões e recomendações aos supervisores, concentrando-se nas constatações, incluindo a capacidade do mutuário de reembolsar.
  • Manter familiaridade com as políticas de empréstimos da empresa.
  • Reconciliar arquivos de crédito e procurar inconsistências e diferenças.
  • Crie planilhas e modelos para auxiliar no estudo de pedidos de crédito novos e existentes.

Descrição do trabalho para um analista de crédito - habilidades, conhecimento e experiência relevantes

  • Licenciatura em banca, contabilidade ou áreas afins
  • É necessária uma forte experiência quantitativa (dois a cinco anos).
  • Proficiente no Microsoft Office e no uso geral de dispositivos
  • Capacidade de gerenciar cronogramas de projetos sobrepostos de forma eficiente em um ambiente de trabalho de alta pressão com vários graus de supervisão
  • Forte atenção aos detalhes e capacidade de detectar anomalias de dados
  • Excelente conhecimento em finanças declarações, rácios, e conceitos

Descrição do trabalho de analista de crédito - qualificações típicas

A qualificação típica de um analista de crédito inclui um diploma de bacharel e experiência em finanças, contabilidade ou outro campo relacionado. Eles devem ter uma sólida formação financeira para entender a análise de índices, análise de demonstrações financeiras, avaliação de risco e economia. Conhecimento prático de princípios contábeis e técnicas financeiras também é benéfico.

Diferentemente de contabilidade e finanças, onde há certificações específicas – como CPA – para a área, não há qualificação específica para um analista de crédito. Alguns bancos ou organizações, no entanto, podem preferir candidatos com mestrado em técnicas financeiras (MBA) ou designações práticas, como o programa Commercial Banking & CBCA, que abrange tópicos de análise de crédito, como o índice de cobertura de juros e o desenvolvimento e análise de um cronograma de dívida.

Esta descrição do cargo de analista de crédito também se baseia nas funções descritas pelo HSBC, JPMorgan Chase e Wells Fargo.

Salário do Analista de Crédito

De acordo com o Bureau of Labor Statistics (BLS), as vagas abertas no setor de negócios e operações financeiras, incluindo empregos de analista de crédito, devem crescer 5% entre 2019 e 2029, mais rápido que a média nacional. A maioria deles trabalha para bancos, agências de classificação de crédito, empresas de investimento e empresas. O salário do analista de crédito varia de acordo com suas diferentes qualificações.

De acordo com dados do BLS, o salário médio anual nacional para analistas de crédito em maio de 2019 era de US$ 84,930. Assim, aqueles no percentil 75 ganharam $ 101,860, e aqueles no percentil 90 ganharam $ 145,840. Com 8,130 analistas de crédito trabalhando em 2019, a Califórnia lidera o grupo. Em maio de 2019, o estado com maior salário para analistas de crédito era Nova York. O analista de crédito ganha um salário médio de $ 123,470 em Nova York.

Características comuns de um analista de crédito

Analistas que são mais úteis para um banco ou crédito sindicato têm quatro características principais que os distinguem – tanto em sua utilidade para o banco quanto em suas próprias carreiras. Essas quatro características são as seguintes:

#1. Curiosidade

Um bom analista de crédito estaria interessado nos números que compõem o pedido de empréstimo que está analisando. Eles querem “ficar atrás dos números”. Em vez de simplesmente entender que a receita de uma empresa aumentou, um analista de crédito forte pode explicar por que a receita aumentou ou diminuiu. Então, eles estão interessados ​​na empresa e no que a faz funcionar.

#2. Perspectiva

Um bom analista de crédito também deve ter um ponto de vista ao realizar o trabalho. Você gostaria de ter uma idéia do oficial de empréstimo e o que eles estão tentando realizar com a transação. Você deve ficar feliz em ajudar o agente de crédito de tempos em tempos, mas também deve entender seu papel como analista. Por exemplo, se você é um analista que viaja com um agente de crédito e sai para almoçar com um cliente empresarial, lembre-se de que você é um mecanismo de controle para o instituição financeira. Não fique tão absorto no contrato a ponto de sacrificar sua liberdade.

#3. Auto-reflexão

Um bom analista de crédito também pode entender que existem certas áreas nas quais ele pode se desenvolver. Por exemplo, o analista pode admitir que não tem certeza sobre alguns aspectos da situação do fluxo de caixa de um crédito e pode decidir entrar em contato com o agente de crédito para esclarecimentos. Alternativamente, o analista pode buscar informações ou orientação de um analista sênior de tempos em tempos. Portanto, é uma boa ideia continuar expandindo seus conhecimentos e ter confiança para pedir ajuda em locais onde o analista possa aprender mais.

#4. Inteligência socioemocional

Finalmente, um bom analista de crédito deve ser emocionalmente inteligente. Isso garante que o analista entenda como estabelecer relacionamentos enquanto ainda é capaz de ter discussões difíceis com esses mesmos indivíduos. Se o crédito tiver que ser transferido de aprovado para abaixo do padrão, ele deve ser movido para abaixo do padrão, mas um bom analista de crédito deve estar disposto a transmitir o conhecimento a um agente de crédito e, em alguns casos, comprometer-se.

Portanto, qualquer analista de crédito de nível 1 deve ser capaz de distribuir efetivamente as finanças dos empréstimos. Assim, um bom analista é curioso, tem perspectiva, é introspectivo e tem inteligência emocional. Além disso, essas qualidades de um bom analista de crédito podem ajudar uma instituição financeira a impulsionar o crescimento e gerenciar riscos em um ambiente que está mudando rapidamente.

Classificações de analistas de crédito

Os analistas de crédito também podem emitir pontuações de crédito. As pontuações de crédito individuais geralmente são geradas por processos algorítmicos com base no histórico de pagamentos de crédito de uma pessoa, hábitos de consumo e falências anteriores. A pontuação de crédito é um número de três dígitos que varia entre 200 e 850. A pontuação Fair Isaac ou FICO é a forma mais popular de pontuação de crédito individual.

Os analistas de crédito concedem notas de letras a emissores de dívida e seus instrumentos (como títulos) com base em notas de letras, como AAA – a maior qualidade de crédito, seguida por AA+, BBB e assim por diante. A dívida de uma empresa é chamada de “junk”, ou abaixo do grau de investimento, se estiver abaixo de uma determinada classificação. Assim, para compensar o aumento do risco de crédito, esses junk bonds geralmente têm rendimentos mais altos. Os títulos emitidos por governos soberanos também podem incluir classificações de crédito. Os analistas de crédito de títulos são frequentemente empregados por empresas de classificação de crédito, como Moody's ou Standard & Poor's (S&P).

Organizações de classificação, como a AM Best, avaliam as seguradoras com base em seu risco de crédito e estabilidade financeira.

Opções de carreira de analista de crédito

Os analistas de crédito têm a capacidade de trabalhar em uma ampla gama de carreiras financeiras devido à amplitude de sua formação e experiência educacional. Eles devem ser bons tomadores de decisão com amplo conhecimento do setor financeiro, tornando-os candidatos ideais para avançar em funções como Chief Executive Officer. Eles podem encontrar empregos nas seguintes áreas:

  • Intermediação de crédito de depósito
  • Análise de crédito comercial
  • Intermediação de crédito sem depósito
  • Gestão de negócios/empresas
  • Mercados e autoridades monetárias
  • Locadores de imóveis
  • Atividades que envolvem investimento financeiro
  • Intermediação e corretagem de contratos de valores mobiliários e mercadorias
  • Divisões de crédito de empresas e corporações
  • Agências de seguros, corretoras e outros negócios relacionados a seguros
  • Divisões de crédito e empréstimo de fabricantes/concessionárias de automóveis
  • Departamentos de crédito em lojas de varejo

Considerações Especiais: Redução de Risco

Depois de considerar os fatores de risco, um analista pode recomendar um empréstimo comercial ou crédito comercial. Assim, os fatores de risco ambientais incluem mudanças econômicas, volatilidade do preço das ações, mudanças nas políticas e requisitos regulatórios.

Por exemplo, se um cliente empresarial está tendo dificuldade em cumprir a folha de pagamento, isso pode ser uma indicação de queda nas vendas e possível falência, o que pode afetar os ativos, classificações e credibilidade do banco.

Além disso, os dados financeiros avaliam o nível de risco envolvido na concessão de crédito, permitindo que um banco decida se continua ou não com a aprovação do empréstimo. Assim, se o banco fornecer financiamento, os analistas podem acompanhar o desempenho do mutuário e podem exigir que o contrato de empréstimo seja rescindido caso se torne arriscado. Assim, determinar o nível de risco em um empréstimo ou investimento ajuda os bancos na gestão de risco e na geração de receita.

Um analista de crédito, por exemplo, pode sugerir uma solução para uma pessoa que está atrasada em seus pagamentos com cartão de crédito. O analista pode aconselhar a pessoa a diminuir seu limite de crédito, fechar sua conta ou mudar para um novo cartão de crédito com uma taxa de juros mais baixa.

Pontos importantes

Um analista de crédito também examina investimentos ou devedores para avaliar seu risco para o credor ou credor. Assim, geralmente são contratados por bancos comerciais e de investimento, empresas de cartão de crédito, agências de classificação de crédito e empresas de investimento. Portanto, ao revisar o histórico financeiro de um possível mutuário, os analistas de crédito analisam as demonstrações financeiras e usam índices.

Além disso, os analistas de crédito alocam notas de letras para emissores de dívida e seus instrumentos, como títulos, com base em notas de letras como AAA, AA+, BBB ou lixo abaixo do grau de investimento.

Perguntas frequentes sobre analistas de crédito

Quais habilidades você precisa para ser um analista de crédito?

Um analista de crédito deve ter habilidades contábeis, como a capacidade de criar e analisar demonstrações financeiras e livros de contabilidade. Muitos analistas de crédito terão habilidades em análise de risco, matemática, estatística, computação e análise quantitativa. Os analistas de crédito devem ser bons na resolução de problemas, ter atenção aos detalhes e ter a capacidade de pesquisar e documentar suas descobertas. Eles devem ser capazes de entender e aplicar os termos usados ​​em finanças, bancos e negócios.

Como me tornar um analista de crédito?

Para se tornar um analista de crédito, geralmente é necessário ter no mínimo um diploma de bacharel em finanças, contabilidade ou áreas afins. Um potencial empregador pode verificar se você concluiu cursos de estatística, economia, análise de demonstrações financeiras e avaliação de risco. Eles também podem exigir alguma experiência anterior no trabalho em contabilidade, bancos ou finanças.

As certificações do setor também podem ajudá-lo a conseguir um emprego como analista de crédito ou avançar em sua carreira no campo. As certificações comuns para analistas de crédito incluem certificação de risco de crédito (CRC), associado de negócios de crédito (CBA), companheiro de negócios de crédito (CBF), certificado profissional em crédito e executivo de crédito certificado (CCE). Alguns analistas de crédito possuem certificações de analistas financeiros (CFA) ou de analista de risco certificado (CRA).

Os analistas de crédito ganham bem?

O salário médio de analista de crédito nos EUA, a partir de 2019, é $ 55,000 anualmente, e pode diferir dependendo da indústria, empresa e estado onde está empregado. Analistas de crédito com vários anos de experiência, certificações do setor e qualificações de ensino superior ganham salários mais altos do que os analistas juniores.

Que grau você precisa para ser um analista de crédito?

Requisitos educacionais

O requisito educacional mínimo para o cargo de analista de crédito é geralmente um diploma de associado ou bacharel em finanças, contabilidade ou áreas afins.

  1. ANALISTA FINANCEIRO: Significado, Requisitos, Habilidade, Salário, (+dicas de emprego gratuitas)
  2. ANALISTA TÉCNICO: Descrição do trabalho, salários e oportunidades de trabalho
  3. Analista de patrimônio: visão geral, salário, trabalho e tudo o que você deve saber
  4. Salário de contador fiscal nos EUA (atualizado!)
  5. Analista Financeiro Certificado: Definição, Requisitos, Taxas, Salário (+ dicas rápidas)
  6. TRABALHOS FINANCEIROS: O Melhor Trabalho Financeiro 2021 {atualizado}
  7. Diretor Financeiro: O Guia Completo (+ Dicas Gratuitas)
0 ações:
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar