Investir em criptomoeda: um guia para iniciantes

investindo em criptomoeda

As criptomoedas ganharam popularidade ao longo dos anos, graças ao aumento da adoção de ativos digitais em diferentes setores. Blockchain, a tecnologia subjacente por trás das criptomoedas, também encontrou vários casos de uso no mundo real. Isso viu o setor crescer, com vários comerciantes, instituições financeiras e investidores pessoais agora aceitando e até investindo em diferentes projetos de criptomoedas. Os dados mostram que as empresas estão usando isso para tomar decisões sobre a criptomoeda se tornar um meio de pagamento aceito, os casos legais atuais só irão promover esse movimento quando resolvidos. 

Se você é novo neste mundo das criptomoedas, há muito o que aprender. Vamos levá-lo através do básico, desde como investir em criptomoedas até os riscos e recompensas envolvidos. Você também aprenderá a identificar boas oportunidades de investimento.  

O que são criptomoedas e por que você deve se importar?

As criptomoedas são ativos digitais que, assim como as moedas físicas, possuem valor percebido e podem ser usados ​​como meio de troca. A única diferença é que as criptomoedas existem no mundo digital e você não pode tocá-las ou senti-las. Eles também são protegidos por criptografia, uma tecnologia sofisticada que torna quase impossível falsificar qualquer transação feita dentro do blockchain.

Como qualquer outro ativo, o valor das criptomoedas é determinado pela oferta e demanda. Estes são ainda influenciados por fatores-chave, como a utilidade e o roteiro do ativo, a tecnologia subjacente, a liderança e a comunidade e a credibilidade e reputação da equipe. Um bom projeto de criptomoeda terá uma demanda enorme e terá uma pontuação alta no que diz respeito aos fatores mencionados acima.

As melhores criptomoedas do mercado são projetadas para resolver problemas do mundo real. O Bitcoin, por exemplo, eliminou a necessidade de um terceiro confiável para supervisionar as transações. Em vez disso, ele usa uma cadeia de transações criptográficas assinadas que são protegidas por consenso de prova de trabalho para validar e solicitar pagamentos. Isso elimina preconceitos, erros humanos, corrupção, problemas de privacidade, velocidade, etc. 

O fato de governos ou instituições centralizadas não exercerem controle sobre criptomoedas significa que esses ativos não podem ser diretamente manipulados ou afetados por políticas bancárias agressivas, falhas governamentais e colapsos. Alguns ativos digitais como o Bitcoin atuam como uma reserva de valor, pois são deflacionários, o que significa que seu valor se valoriza com o tempo em vez de se depreciar, ao contrário da moeda tradicional.

Como investir em criptomoedas 

Existem várias maneiras de investir em criptomoedas, e algumas técnicas são mais arriscadas do que outras. Mesmo assim, os ativos criptográficos são altamente voláteis e as criptomoedas geralmente são consideradas uma classe de ativos arriscada. Isso significa que você deve investir apenas o que pode perder. 

Para novos investidores, a melhor maneira de investir neste mercado é comprar as criptomoedas de alta reputação, mais estáveis ​​e testadas pelo tempo e mantê-las à medida que seu valor se valoriza. Os melhores ativos criptográficos são aqueles que estão no mercado há tempo suficiente para ganhar a confiança de muitas pessoas, principalmente investidores experientes e instituições maiores. Um exemplo perfeito é Bitcoin e Ethereum.

Além de comprar e manter seus ativos de criptomoeda, você também pode comprá-los e usá-los para obter renda passiva. Isso pode ser feito por meio de opções avançadas de investimento que trazem riscos adicionais. Os exemplos incluem fornecer liquidez em mercados financeiros descentralizados ou apostar suas moedas em um pool para ganhar juros. Essas são opções mais avançadas e exigem pesquisa e compreensão adequadas dos mercados de criptomoedas mais amplos.

Gerenciando riscos de criptomoeda 

O risco para os investidores é uma coisa cotidiana, e talvez não seja motivo de preocupação. No entanto, as criptomoedas são uma coisa totalmente nova, e os riscos neste setor não são apenas exagerados, mas as consequências do mau julgamento também são mais implacáveis. Isso ocorre porque as criptomoedas são mal regulamentadas e são mais suscetíveis a manipulação de mercado, golpes e atividades fraudulentas.

Tendo algum controles e riscos estratégias em vigor é a chave para ser um investidor de criptomoedas de sucesso. Isso pode significar apenas investir em projetos de criptografia bem auditados, investir o valor que você está confortável em perder, aprimorar suas práticas de segurança digital e saber quando entrar e sair do mercado. 

Get Started Today  

As criptomoedas estão tendo uma adoção mais ampla no mercado e seu valor está aumentando com o tempo. Estamos nos estágios iniciais, e quem entrar agora pode colher bons frutos no futuro. No entanto, isso só é possível se você investir nos projetos certos e no momento certo. 

Investidores novatos enfrentam vários desafios no mundo das criptomoedas, desde investir em projetos ruins e puxa-sacos até perder seus ativos digitais para golpistas e invasores digitais. Priorizar o gerenciamento e controle de riscos e dedicar seu tempo para pesquisar e aprender mais sobre o mercado pode ajudá-lo a permanecer no caminho certo para investir em criptomoedas. A crescente adoção de criptomoedas globalmente também está levando as empresas a aceitar pagamentos de criptomoedas, o mesmo que transações de débito e crédito. Se você é proprietário de uma empresa, considere monitorar essas tendências e seu dados de taxa de conversão de checkout para ver se aceitar pagamentos criptográficos seria benéfico para o seu negócio. 

0 ações:
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar